Campanha da Victoria’s Secret causa polêmica por celebrar o “corpo perfeito”. Até quando?

Já chega! Até quando a mídia vai tentar nos empurrar padrões irreais de beleza? Estamos em pleno século XXI, época em que vivemos o auge da globalização, informações em tempo real, mentes mais abertas, diversidade de corpos e raças…essa mentalidade, no entanto, não chegou às marcas de roupas e cosméticos, que querem a todo custo nos convencer de que só existe um tipo de beleza “ideal”, ou um corpo “perfeito”.
Semana passada, Victoria’s Secret produziu um anúncio que gerou revolta em várias mulheres. Vocês já vão entender o motivo. A campanha, que traz a imagem de várias modelos extremamente magras e altas, celebra um “corpo perfeito”.

Vejam a foto do anúncio:

Campanha polêmica da Victoria's Secret gera revolta nas mulheres
Imagem: Exame

A campanha, na verdade, foi realizada para lançar a nova linha de sutiãs da empresa, intitulada “Body” (“Corpo”), mas o diálogo entre o título do anúncio chama tanta atenção que só quem realmente parar para ler o que está escrito nas letras menores vai entender. Isso gerou revolta em diversas mulheres, que lançaram mão da hashtag #iamperfect nas redes sociais como forma de protesto.
A hashtag #iamperfect foi utilizada como forma de protesto
Imagem: Exame

A repercussão foi tanta, que três estudantes britânicas criaram uma petição no site change.org, exigindo que a marca peça desculpas pelo que elas chamaram de “marketing irresponsável”. Mais de 29 mil pessoas já assinaram, como vocês podem ver:
Três estudantes fizeram uma petição exigindo desculpas da empresa
Imagem: change.org

Por causa da repercussão e das críticas, a marca trocou, ontem a noite, o nome da campanha. Ao invés de “The perfect body”, agora a frase que lança a coleção é “A body for every body” (“Um corpo para todo mundo/ para todo corpo”)
Victoria's Secret muda o nome da coleção de sutiã
Imagem: Victoria’s Secret

Por mais que não tenha sido esse o objetivo, campanhas como a da Victoria’s Secret só faz com que nós nos sintamos inseguras com o nosso próprio corpo; nunca seremos magras, altas ou bonitas o suficiente. Olhar para as modelos magérrimas e “malhadas” que estão nos catálogos e revistas faz com que a gente acredite que só quem possui certas características é considerada bonita.
Já passou da hora das marcas olharem para o público plus size (que representam uma boa fatia do mercado da moda) e incentivarem as mulheres serem felizes do jeito que são, com o corpo que têm. Essa ditadura da magreza só faz com que milhares de pessoas desenvolvam distúrbios alimentares, como anorexia e bulimia, e fiquem mal por não se encaixarem nesse padrão.
A verdadeira perfeição, meninas, reside no fato de possuirmos belezas diferentes e únicas. O importante é você se amar e se sentir bem do jeitinho que é, por isso valorizem-se e não se deixem influenciar pelo que a sociedade coloca como ideal.
Texto: Letícia Gomes | Imagem destaque: Buzz Feed

Agende já seu ensaio:

[formcraft id=’7′]
 

Compartilhe nas redes sociais:

Ensaio Pin-up Plus Size

Ensaio Pin-up Plus Size A equipe da Adriana Líbini promoveu um ensaio pin-up plus size para mulheres que amam esse tema e que é tão

Leia mais »
ensaio plus size

Uma história de superação

Uma história de superação Nossa diva Giulliane Doring, 29 anos, decidiu fazer um ensaio fotográfico com Adriana Líbini para dar uma melhorada na sua autoestima

Leia mais »
WeCreativez WhatsApp Support
Estou aqui para tirar todas as suas dúvidas sobre seu Ensaio e sobre meu trabalho ...
👋 Como posso te ajudar?